Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Disciplinas
Início do conteúdo da página

Disciplinas

Publicado: Segunda, 26 de Março de 2018, 15h25 | Última atualização em Terça, 28 de Maio de 2019, 15h57

DISCIPLINAS DO NÚCLEO DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA E EPISTEMOLÓGICA

 

HISTÓRIA DAS IDEIAS PEDAGÓGICAS

Créditos: 2

Ementa: Análise das matrizes histórico-filosóficas do pensamento pedagógico brasileiro. A consideração da história da educação para o entendimento da configuração atual da educação brasileira.


PRODUÇÃO DE MATERIAIS EDUCACIONAIS

Créditos: 2

Ementa: Esse curso aborda alguns aspectos da produção de recursos didáticos, destacando-se, selecionar, adequar, pesquisar e desenvolver recursos didáticos voltados para o ensino de Humanidades. Avaliar materiais didáticos existentes, realizar projetos de produção de recursos didáticos e elaborar estratégias metodológicas para o uso de diferentes materiais didáticos, levando em conta as características locais e regionais e as especificidades dos alunos.

 

METODOLOGIAS DE ENSINO

Créditos: 2

Ementa: Análise dos fundamentos da organização dos trabalhos pedagógicos na Educação Básica, na EPT e na EJA, em suas diferentes modalidades de ensino. Tendências do ensino e aprendizagem na Educação Básica e no Ensino Superior. A gestão de sala de aula. O projeto pedagógico. Métodos de Planejamento e Execução nas diferentes modalidades de ensino. Metodologias para a criação de um Ambiente Inclusivo na sala de aula. A Aprendizagem dialógica. A avaliação da aprendizagem: concepções e instrumentos.

 

TEORIAS DA APRENDIZAGEM

Créditos: 2

Ementa: Análise dos processos de desenvolvimento e aprendizagem de acordo com as principais correntes teóricas da Psicologia. Análise das relações entre aprendizagem e desenvolvimento e implicações para as práticas pedagógicas em Ensino de Humanidades.

 

POLÍTICA, CULTURA E SOCIEDADE

Créditos: 2

Ementa: Estudo das políticas públicas educacionais e sua integração com a cultura e sociedade. Estado, democracia e cidadania. Movimentos sociais, cidadania e educação. Processos de subjetivação e cidadania.

 

TÓPICOS ESPECIAIS EM ENSINO DE HUMANIDADES I

Créditos: 2

Ementa: Essa disciplina visa debater conceitos em forma de tópicos especiais em Ensino de Humanidades, em caráter extraordinário. Visa trabalhar a construção de artigos científicos e tecnológicos, como também produtos tecnológicos gerados pelos estudos. Poderá ser ofertada a qualquer momento conforme demanda específica e aprovação do CPG.

 

TÓPICOS ESPECIAIS EM ENSINO DE HUMANIDADES II

Créditos: 2

Ementa: Essa disciplina visa apresentar tópicos especiais em Ensino de Humanidades, em caráter extraordinário. Visa trabalhar a construção de artigos, como também produtos pedagógicos. Poderá ser ofertada a qualquer momento conforme demanda específica e aprovação do CPG.

 

 

DISCIPLINAS DO NÚCLEO DE FORMAÇÃO ESPECÍFICA EM ENSINO DE HUMANIDADES

 

DEBATES CONCEITUAIS EM PRÁTICAS EDUCATIVAS E EM ENSINO DE HUMANIDADES

3 Créditos

A polêmica sobre o nascimento das ciências humanas: uma história. Epistemologia das ciências humanas. As teorias contemporâneas das ciências humanas. Definições e fundamentos conceituais das humanidades, articulados às metodologias de ensino, normalmente debatidos e utilizados em sala de aula. O processo de ensino-aprendizagem em humanidades no ensino.

 

DEBATES CONCEITUAIS EM FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM ENSINO DE HUMANIDADES

3 Créditos

Tendências contemporâneas de Formação de Professores. Conhecimento docente. Teoria e prática docente no ensino de Humanidades.

 

 

DISCIPLINAS DE PESQUISA DE MESTRADO EM ENSINO DE HUMANIDADES

 

METODOLOGIA DE PESQUISA

Créditos: 2

Ementa: A questão do conhecimento (senso comum e ciência). A problemática da relação Sujeito-Objeto na produção do conhecimento. A produção de conhecimento em Educação. Os diversos tipos de pesquisa e as diferentes abordagens e técnicas de investigação. Construção e delimitação de uma problemática de pesquisa (quadro conceitual, formulação de questões de investigação), construção de meios de investigação (coleta de dados, ferramentas de tratamento e análise de dados, critérios de avaliação, interpretação). A ética na pesquisa educacional.

 

SEMINÁRIOS DE PESQUISA EM ENSINO DE HUMANIDADES

Créditos: 2

Ementa: Debate sobre o ensino de humanidades na atualidade. Realização de palestras com os membros do programa para apresentação das linhas de pesquisa, tendo como foco o desenvolvimento de pesquisa aplicada aos processos da sala de aula do ensino fundamental, médio e superior. Desenvolvimento e análise de materiais didáticos e o uso de tecnologias para melhoria do processo de ensino e de aprendizagem. Debate após a explanação do assunto envolvendo as discussões conceituais e a promoção do ensino de humanidades.

 

PESQUISA DE MESTRADO I

Créditos: 2

Ementa: Essa disciplina visa acompanhar o desenvolvimento do projeto de mestrado (2º período letivo), a preparação dos estudos para o exame de qualificação (3º período letivo) e a preparação da dissertação (4º período letivo), por meio de um encontro semanal com o orientador e o grupo de pesquisa, havendo, pelo menos, uma avaliação final, a critério do professor. Visa trabalhar a construção de artigos científicos e tecnológicos, assim como produtos tecnológicos gerados pelos estudos. No caso do aluno não conseguir fechar seus trabalhos de mestrado até o 4º período letivo, ele poderá se inscrever nessa disciplina, a critério da CPG, no 5º e 6º período letivo, para finalizar os estudos científicos e tecnológicos e manter o vínculo com a instituição.

 

PESQUISA DE MESTRADO II

Créditos: 2

Ementa: Essa disciplina visa acompanhar o desenvolvimento do projeto de mestrado (2º período letivo), a preparação dos estudos para o exame de qualificação (3º período letivo) e a preparação da dissertação (4º período letivo), por meio de um encontro semanal com o orientador e o grupo de pesquisa, havendo, pelo menos, uma avaliação final, a critério do professor. Visa trabalhar a construção de artigos científicos e tecnológicos, assim produtos tecnológicos gerados pelos estudos. No caso do aluno não conseguir fechar seus trabalhos de mestrado até o 4º período letivo, ele poderá se inscrever nessa disciplina, a critério da CPG, no 5º e 6º período letivo, para finalizar os estudos científicos e tecnológicos e manter o vínculo com a instituição.

 

PESQUISA DE MESTRADO III

Créditos: 2

Ementa: Essa disciplina visa acompanhar o desenvolvimento do projeto de mestrado (2º período letivo), a preparação dos estudos para o exame de qualificação (3º período letivo) e a preparação da dissertação (4º período letivo), por meio de um encontro semanal com o orientador e o grupo de pesquisa, havendo, pelo menos, uma avaliação final, a critério do professor. Visa trabalhar a construção de artigos científicos e tecnológicos, assim produtos tecnológicos gerados pelos estudos. No caso do aluno não conseguir fechar seus trabalhos de mestrado até o 4º período letivo, ele poderá se inscrever nessa disciplina, a critério da CPG, no 5º e 6º período letivo, para finalizar os estudos científicos e tecnológicos e manter o vínculo com a instituição.

 

PESQUISA DE MESTRADO IV

Créditos: 2

Ementa: Essa disciplina visa acompanhar o desenvolvimento do projeto de mestrado (2º período letivo), a preparação dos estudos para o exame de qualificação (3º período letivo) e a preparação da dissertação (4º período letivo), por meio de um encontro semanal com o orientador e o grupo de pesquisa, havendo, pelo menos, uma avaliação final, a critério do professor. Visa trabalhar a construção de artigos científicos e tecnológicos, assim produtos tecnológicos gerados pelos estudos. No caso do aluno não conseguir fechar seus trabalhos de mestrado até o 4º período letivo, ele poderá se inscrever nessa disciplina, a critério da CPG, no 5º e 6º período letivo, para finalizar os estudos científicos e tecnológicos e manter o vínculo com a instituição.

 

PRÁTICA DE ENSINO SUPERVISIONADO EM ENSINO DE HUMANIDADES (PES)

Créditos: 2

Ementa: A disciplina visa debater e provocar reflexões sobre as práticas docentes desenvolvidas em sala de aula, tendo como apoio artigos científicos e tecnológicos da área de ensino de humanidades. Será coordenada pelo respectivo orientador.

 

 

DISCIPLINAS DO NÚCLEO DE FORMAÇÃO COMPLEMENTAR EM ENSINO DE HUMANIDADES

 

DEBATES CONCEITUAIS EM LINGUAGEM

Créditos: 3

Ementa: Concepções de linguagem. Usos, ensino e aprendizagem das linguagens. Processos discursivos da linguagem verbal e não verbal.

 

DEBATES CONCEITUAIS EM CIÊNCIAS HUMANAS

Créditos: 3

Ementa: A polêmica sobre o nascimento das ciências humanas: uma história. Epistemologia das ciências humanas. As teorias contemporâneas das ciências humanas. Definições e fundamentos conceituais das humanidades, articulados às metodologias de ensino, normalmente debatidos e utilizados em sala de aula. O processo de ensino-aprendizagem em humanidades no ensino médio. Os Parâmetros Curriculares Nacionais do ensino de humanidades no ensino médio.

 

DEBATES CONCEITUAIS EM HISTÓRIA

Créditos: 2

Ementa: Definições e conceitos de História. O processo de ensino-aprendizagem em História. A historiografia e as linguagens escolares: fatos e interpretações no ensino de História. O livro didático de História. Os Parâmetros Curriculares Nacionais do ensino de História. O uso de abordagens e material alternativos no ensino de História.

 

DEBATES CONCEITUAIS EM FILOSOFIA

Créditos: 2

Ementa: Definições e conceitos de Filosofia do ensino médio, normalmente debatidos em sala de aula. O processo de ensino-aprendizagem em Filosofia. O livro didático de Filosofia; Os Parâmetros Curriculares Nacionais do ensino de Filosofia. História da Filosofia ou Abordagens Temáticas - decisões curriculares. Filosofia para Crianças.

 

DEBATES CONCEITUAIS EM SOCIOLOGIA

Créditos: 2

Ementa: Pensamento Social Brasileiro. Estudos de Sociologia Brasileira à luz da Teoria Social Clássica e Contemporânea. Metodologias de ensino da sociologia.

 

DEBATES CONCEITUAIS EM GEOGRAFIA

Créditos: 2

Ementa: Definições e conceitos de Geografia. O processo de ensino-aprendizagem em Geografia. Os Parâmetros Curriculares Nacionais do ensino de Geografia. Teoria e método na produção do conhecimento geográfico. Os grandes paradigmas da Geografia. O pensamento geográfico no Brasil e no Mundo.

 

DEBATES CONCEITUAIS EM LÍNGUAS

Créditos: 2

Ementa: Estudo e discussão de concepções teórico-metodológicas, advindas de diferentes áreas da Linguística, sobre os processos de ensino e aprendizagem de língua materna e de língua estrangeira. Implicações epistemológicas e contribuições didático-pedagógicas.

 

DEBATES CONCEITUAIS EM ARTE

Créditos: 2

Ementa: Concepções de ensino da Arte; Processos de criação em Arte; Ensino da História, Filosofia e Crítica da Arte.

 

DEBATES CONCEITUAIS EM LITERATURA

Créditos: 2

Ementa: Discussão da diversidade literária brasileira, com focos específicos em autores e obras representativas da tradição literária no Brasil. Concepções de literatura e ensino. Apreensão do literário: modelos redutores vs. crítico-criativos e suas repercussões na educação literária. O professor de literatura no contexto sociocultural. Elaboração de  projetos vinculados ao ensino da literatura no material didático e na prática docente.


TÓPICOS ESPECIAIS EM HUMANIDADES I

Créditos: 2

Ementa: Essa disciplina visa debater conceitos em forma de tópicos especiais em Humanidades, em caráter extraordinário. Visa trabalhar a construção de artigos científicos e tecnológicos, como também produtos tecnológicos gerados pelos estudos. Poderá ser ofertada a qualquer momento conforme demanda específica e aprovação do CPG.

 

TÓPICOS ESPECIAIS EM HUMANIDADES II

Créditos: 2

Ementa: Essa disciplina visa apresentar tópicos especiais em Humanidades, em caráter extraordinário. Visa trabalhar a construção de artigos, como também produtos pedagógicos. Poderá ser ofertada a qualquer momento conforme demanda específica e aprovação do CPG.

 

ESPAÇOS DE EDUCAÇÃO NÃO-FORMAL

Créditos: 2

Ementa: Fundamentos teóricos e metodológicos da educação em espaços não-formais. Os espaços de educação não-formal no Brasil e no exterior. Processos de ensino/aprendizagem em espaços de educação não-formal. Relações entre a escola e os espaços de educação não-formais. Espaços de educação não-formal e cidadania. Espaços de educação não-formais e a Cidade Educadora.

 

ESTUDOS DE CAMPO NO ENSINO DE HUMANIDADES

Créditos: 2

Ementa: Bases pedagógicas, psicológicas e filosóficas do trabalho de campo. Interdisciplinaridade. Transdisciplinaridade e Complexidade. Morin e a questão ecológica. Planejamento da saída a campo. Aulas de campo como possibilidade de superação da fragmentação disciplinar.

 

FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM ENSINO DE HUMANIDADES

Créditos: 2

Ementa: Políticas públicas de formação docente no Brasil. Perspectivas atuais para a formação de professores. Aspectos legais da formação docente (Diretrizes Curriculares Nacionais para a formação de professores). A profissionalização docente e a questão da identidade do ser professor. Autonomia profissional. Parceria na formação de professores.

 

TECNOLOGIAS E MÍDIAS NA EDUCAÇÃO

Créditos: 2

Ementa: O computador como ferramenta pedagógica no processo de ensino-aprendizagem. Análise dos instrumentos tecnológicos e suas formas de aplicação no ensino de humanidades. Pesquisas atuais em Informática aplicada à Educação. Análise e utilização de softwares educacionais voltados para o ensino de Humanidades. Ensino de Humanidades à distância: possibilidades e desafios. Indústria Cultural e suas repercussões no campo da educação. Mídia-Educação. Análise crítica das mídias na sala de aula.

 

HISTÓRIA, MEMÓRIAS E SUBJETIVIDADES EM ENSINO DE HUMANIDADES

Créditos: 2

Ementa: A produção de documentos e monumentos históricos e a invenção das tradições. A produção de subjetividades: passado, presente e futuro. Relações entre história, memória e fontes orais, com ênfase nas suas utilizações na prática do ensino-aprendizagem. Relações entre história, memória e patrimônio, com ênfase nas suas utilizações na prática do ensino-aprendizagem. Relações entre história, subjetividade e educação, com ênfase nas suas utilizações na prática do ensino-aprendizagem.

 

EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

Créditos: 02

Ementa: A história da Educação Profissional e da Educação de Jovens e Adultos no Brasil. A configuração do campo da EJA: a diversidade dos sujeitos; entre a afirmação do direito à educação; história e memórias. A configuração do Campo da Educação Profissional: As formas históricas de trabalho nas sociedades; a relação educação e trabalho; novas e velhas relações entre ser, fazer e saber. Paulo Freire: Contribuições para pensar a prática de EJA no Brasil. Relações entre exclusão social, educação e as políticas de inclusão nas ultimas décadas. Trabalho, Ciência, Cultura e Tecnologia como dimensões da formação humana na EJA e na Educação Profissional. Características da aprendizagem de adultos. Educação de jovens e adultos e Educação Profissional: a confluência de duas modalidades. Implicações das diferentes concepções de EJA e Educação Profissional na organização do trabalho pedagógico e na especificidade da formação dos educadores.

 

DIVERSIDADES E INCLUSÃO NO ENSINO DE HUMANIDADES

Créditos: 02

Ementa: Identidades, história e educação. Diversidade humana e a construção social das diferenças. raça, etnia, gênero, "deficiências" físicas e intelectuais, orientação sexual. Educação inclusiva. Legislação educacional, Diversidade e Currículo. A Escola como espaço de construção da tolerância.

 

MEMÓRIA, IDENTIDADE E CULTURA BRASILEIRA

Créditos: 02

Ementa: Cultura, sociedade, modernidade; Cultura, identidade, globalização; Cultura e conhecimento; Cultura subjetividade e poder; Cultura e mercado; Cultura e Educação; Educação patrimonial.

 

CURRÍCULO EM ENSINO DE HUMANIDADES

Créditos: 2

Ementa: Teorias de currículo. Concepções curriculares e práticas educativas contemporâneas: interfaces com a cultura, o conhecimento, a diversidade. Políticas de currículo em diferentes níveis e contextos de formação. Possibilidades e desafios da organização curricular no ensino de Humanidades.

 

EDUCAÇÃO NO CAMPO

Créditos: 2

Ementa: O meio rural e suas amplitudes: sociológica, cultural, tecnológica, agrária e econômica. Reflexão crítica sobre a dicotomia rural-urbano. A educação e escola do campo: história, tendência, concepções teórico-metodológicas. Território da Educação Rural na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Básica da Educação Nacional. A Educação Rural e o desenvolvimento local, integrado e sustentável. Identidade e Alteridade: princípios norteadores para uma construção de relações e resgate de saberes dos atores sociais campesinos. Currículo para escola básica do e para o campo. Estudos de propostas para o meio rural. Experiências em Educação no Campo no Espírito Santo.

 

METODOLOGIAS ALTERNATIVAS

Créditos: 2

Ementa:

Uso e princípios das metodologias alternativas relacionados ao conteúdo programático da educação em ensino de Humanidades. Relação da ciência e arte e suas implicações na educação. Uso de filmes comerciais em sala de aula. Produção de vídeos e documentários amadores a partir de aparelhos de celular e câmeras fotográficas. Uso e produção de história em quadrinho. Uso de TV e rádio. Uso de jogos educativos. Uso de Rolling Playing Game. Uso de arte cênica como metodologia de ensino. Jogos, Dinâmicas e Vivências Grupais.

 

CIÊNCIA, TECNOLOGIA E SOCIEDADE

Créditos: 2

Ementa:

O que é CTS. Definições de ciência, tecnologia e técnica. Breve histórico sobre o movimento Ciência, Tecnologia e Sociedade (CTS) no mundo e no Brasil. Revolução industrial. Desenvolvimento tecnológico e desenvolvimento social. Difusão de novas tecnologias. Sociedade tecnológica e suas implicações. As imagens da tecnologia. As noções de risco e de impacto tecnológico. Modelos de produção e modelos de sociedade. Desafios contemporâneos. Influências da ciência e da tecnologia na organização social. Relações entre ciência, tecnologia e sociedade. Questões éticas e políticas. O CTS e o Ensino de Humanidades.

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página